Flamengo

FLAMENGO

Quase 80% dos brasileiros consideram que houve negligência do Flamengo em tragédia no Ninho do Urubu

Pesquisa aponta que maioria da população entende que houve culpa do clube rubro-negro

postado em 11/03/2019 10:11 / atualizado em 11/03/2019 10:28

<i>(Foto: Carl de Souza/AFP)</i>
Aproximadamente 80% dos brasileiros consideram que houve negligência do Flamengo na administração do Ninho do Urubu, centro de treinamento do clube. É o que mostra uma pesquisa realizada por um instituto de pesquisas de Curitiba. Os pesquisadores do Paraná Pesquisas procuraram saber a opinião de cidadãos sobre o incêndio ocorrido no CT do Flamengo no dia 8 de fevereiro deste ano, que deixou dez pessoas mortas e três feridas.

Entre os entrevistados, 79,4% concordam que o Flamengo foi negligente em relação à manutenção dos equipamentos de seu centro de treinamento. Outros 7,5% discordam da afirmação de que teria havido negligência do clube. Os demais entrevistados disseram que não concordam nem discordam (6,5%) ou que não sabem (6,6%).

Descrença nos órgãos de controle

A mesma pesquisa mostrou que 49% da população acredita que não haverá aumento da fiscalização de centros de treinamentos de clubes de futebol após a tragédia no Ninho do Urubu. Já 37% acham que o rigor por parte dos órgãos de controle irá aumentar, enquanto 5,2% acham que a fiscalização irá diminuir. Outros 8,2% não sabem ou não responderam. 

Sobre a postura da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acerca do acompanhamento das condições de centros de treinamento, 67,7% acham que a entidade deveria fiscalizar ativamente essas instalações. Para 13,8% dos entrevistados, esse tipo de fiscalização não é atribuição da CBF.

O Paraná Pesquisas ouviu 2.206 brasileiros com 16 anos ou mais, em 162 municípios brasileiros em todos os estados, mais o Distrito Federal entre 25 e 28 de fevereiro de 2019.

Tags: seriea futnacional flamengorj incendio tragedia ninho do urubu pesquisa