Tênis

US OPEN

Nadal bate italiano e enfrentará Medvedev nos EUA em busca do 19º Grand Slam

Espanhol tem dificuldade no primeiro set, mas confirma favoritismo

postado em 06/09/2019 23:44

<i>(Foto: All Bello/AFP)</i>

Rafael Nadal sofreu bastante no início do jogo que fez contra o italiano Matteo Berrettini, contra quem chegou a salvar dois set points no tie-break da primeira parcial, mas venceu o italiano Matteo Berrettini por 3 a 0 - 7/6 (8/6), 6/4 e 6/1 -, na noite desta sexta-feira, em Nova York, e avançou à final do US Open.

Com o triunfo nos Estados Unidos, o tenista espanhol vai buscar neste domingo, a partir das 17h (de Brasília), o 19º título de Grand Slam na carreira. O seu rival na decisão será o russo Daniil Medvedev, que horas mais cedo superou o búlgaro Grigor Dimitrov, também por 3 sets a 0, com 7/6 (7/5), 6/4 e 6/3.

Caso triunfe diante do rival da Rússia, o atual vice-líder do ranking mundial vai ficar a um troféu de igualar o recorde do suíço Roger Federer, maior vencedor de torneios de Grand Slam, com 20 taças. Já Medvedev, hoje na quinta posição da ATP, jogará pela primeira fez a final de um torneio desta importância.

Nadal buscará também o seu quarto título do US Open, onde anteriormente triunfou em 2010, 2013 e 2017. Com 83 taças de simples no circuito da ATP, ele entrou em quadra nesta sexta-feira como franco favorito diante de Matteo Berrettini, que apenas por enfrentar o espanhol fez história. Ele se tornou o segundo tenista italiano a jogar a semifinal do torneio masculino de simples do Grand Slam norte-americano e igualou o feito obtido por Corrado Barazzutti na edição de 1977 da competição.

A decisão deste domingo também será um confronto de gerações, pois Nadal tem 33 anos e Medvedev está com apenas 23. E será apenas a segunda vez que os dois vão se enfrentar. Na única ocasião em que mediram forças, o número 2 do mundo arrasou o jovem com parciais de 6/3 e 6/0 na final do Masters 1000 do Canadá deste ano.

O jogo 


Na partida que fez com Berrettini, atual 25º colocado da ATP, Nadal confirmou todos os seus saques sem oferecer nenhuma chance de quebra em toda a partida. Porém, o italiano também foi feliz em todos os serviços no primeiros set e forçou a disputa do tie-break. Neste desempate, o azarão surpreendeu ao abrir uma vantagem de 4/0 e depois de 5/2. Na sequência, ele teve dois set points ao abrir 6/4, mas o espanhol se salvou e fez quatro pontos consecutivos para ganhar a parcial.

A partir daí, Nadal passou a ser mais dominante e, ao converter um de quatro break points, fez 6/4 para abrir 2 sets a 0. E no terceiro, o espanhol atropelou com mais três quebras de saque e aplicou um 6/1 para liquidar a partida.

Medvedev, por sua vez, também precisou jogar um tie-break no primeiro set para abrir vantagem sobre Dimitrov, que surpreendeu ao ir à semifinal como atual 78º colocado da ATP e ao eliminar Federer nas quartas de final. E o búlgaro chegou a quebrar o saque do russo por três vezes no duelo, mas o seu oponente converteu cinco de nove break points para encaminhar o seu triunfo em sets diretos.

Tags: grand slam US Open final medvedev berrettini nadal