Velocidade

FÓRMULA 1

Lewis Hamilton fala em futuro aberto, mas acredita ser difícil deixar a Mercedes

Piloto disse que está analisando as suas opções para a temporada de 2021

postado em 05/09/2019 17:30

<i>(Foto: KENZO TRIBOUILLARD/AFP)</i>
Pentacampeão mundial e muito perto do sexto título na Fórmula 1, o inglês Lewis Hamilton admitiu nesta quinta-feira, no primeiro dia de atividades para o GP da Itália, no circuito de Monza, que seu futuro está aberto na categoria. Mesmo com mais um ano e meio de contrato com a Mercedes, o piloto disse que está analisando as suas opções para a temporada de 2021, apesar de acreditar que dificilmente deixará a escuderia alemã.

"Meu contrato expira no final de 2020, a Mercedes já quer começar a falar sobre renovação, mas está faltando ainda mais de um ano e é um pouco estranho começar a lidar com isso", disse Hamilton, em entrevista ao canal de TV italiano Sky Sports.

"Há pouco tempo, chegamos a um acordo de três anos e agora, no meio desse novo caminho, já estamos falando sobre o próximo. No entanto, começarei a considerar as várias opções nos próximos meses, mas, honestamente, é realmente muito difícil imaginar estar em outro lugar", concluiu o inglês.

Lewis Hamilton ingressou na Mercedes em 2013 e conquistou o seu segundo título na Fórmula 1 em 2014 - o primeiro foi pela McLaren, em 2008. Desde então, venceu três dos últimos quatro campeonatos mundiais perdendo apenas para o alemão Nico Rosberg, seu colega de equipe, em 2016.

Em sua briga pelo título de 2019 - tem 65 pontos a mais que o segundo colocado, o finlandês Valtteri Bottas, hoje seu companheiro na Mercedes -, Lewis Hamilton está enfrentando rivais de várias idades, mas elogiou bastante a nova geração de pilotos na categoria, citando que tentará conquistar campeonatos até onde pode, mesmo que não seja fácil conforme passe do seu auge.

"Desde que comecei a correr na Fórmula 1, sempre tive adversários duros. Tem anos que mudam, novos aparecem, com características diferentes, mas todos são ferozes e querem vencer. É bom ver o caminho dos meus rivais, sei os problemas que eles têm. É difícil se manter motivado com o passar dos anos Vou tentar disputar títulos até onde der, mesmo que não seja fácil por muitos pilotos terem potencial de se tornarem campeões", concluiu o inglês.

Tags: hamilton maisesportes automobilismo