Atlético

ATLÉTICO

Dátolo supera Oliveira e se isola como maior artilheiro estrangeiro da história do Atlético

Armador argentino tem agora nove gols com a camisa alvinegra

postado em 02/02/2015 15:36 / atualizado em 02/02/2015 18:12

Rodrigo Clemente/EM/D.A Press

Com títulos e marcas, Jesus Dátolo vai escrevendo seu nome na história do Atlético. No último domingo, o argentino se isolou como maior artilheiro estrangeiro da história do Galo.

O belo gol de falta contra o Tupi, na vitória atleticana por 2 a 0, foi o nono de Dátolo no clube, em 65 jogos. Campeão da Recopa Sul-Americana e da Copa do Brasil, o meia tem contrato com o Atlético até agosto e já ressaltou o desejo de permanecer por mais tempo.

A lista de artilharia gringa no Galo tem ainda como destaques Olivera, zagueiro uruguaio que defendeu o time de 1983 a 1985. Fez oito gols em 72 jogos, conquistando dois títulos estaduais.

Na terceira posição chama a atenção a presença de um goleiro. O argentino Ortiz, que atuou pelo Alvinegro entre 1976 e 1977, era cobrador de pênaltis e marcou sete gols. Com o mesmo número de gols aparece Vilalba, atacante, também argentino, que jogou na equipe em 1946.

Partidas pelo Galo

Se lidera a artilharia entre os estrangeiros, Dátolo tem um longo caminho para alcançar Cincunegui no número de partidas pelo Atlético. O lateral-esquerdo uruguaio (1968/1973) tem 194 no currículo. Ele é seguidopor Ortiz (100 jogos), pelo goleiro uruguaio Mazurkiewicz, que, de 1972 a 1974, fez 89 partidas pelo Galo, e por Olivera (72).

Tags: estrangeiro artilheiro datolo galo atlético