Atlético

ATLÉTICO

Presidente do Fluminense diz que vai notificar Atlético, Liverpool e Allan na Justiça

Dirigente diz que houve conduta antiética do clube inglês em negociações

postado em 10/01/2020 14:41

(Foto: Bruno Cantini/Atlético)

O acerto do Atlético com o Liverpool para a contratação do volante Allan, de 22 anos, incomodou o Fluminense. Além do Galo, o tricolor também negociava com os ingleses para tentar a permanência do jogador. No entendimento de Mário Bittencourt, presidente do clube carioca, houve conduta antiética dos ‘Reds’ ao negociar o meio-campista com duas equipes ao mesmo tempo. 

Por entender que o Liverpool tentou levar vantagem e aumentar o valor da negociação para vender Allan, o Fluminense promete ir à Justiça contra o clube inglês. A ação também vai englobar o Atlético e o meio-campista, que assinou com o Galo até o fim de 2023.

“Antecipo que hoje, no final do dia, vamos notificar o Liverpool, o atleta e o Atlético com cópia pra Fifa. Minimamente foi uma conduta antiética. Negociação paralela com duas instituições, jogando o preço para cima. No português claro, (o Liverpool) fez um leilão”, disse.


Mário Bittencourt também criticou o volante Allan. De acordo com o presidente do Fluminense, Allan deixou claro que ficaria no clube para a temporada 2020.

“O atleta nos deu palavra de que ficaria aqui. Faltou lealdade às nossas conversas”, afirmou, completando.

“Dessa situação toda, ficam algumas lições. Juras de amor devem ficar da porta pra dentro, no fundo no fundo é um mercado, é negócio. Grande equívoco de alguns é querer criar relação de paixão que não existe. Não há nenhum problema em querer trocar de clube, mudar de ares, mas o atleta precisa ser transparente”.

Ira da torcida tricolor

O torcedor do Fluminense demonstrou mágoa com a decisão de Allan. Nas redes sociais, o novo jogador do Galo foi atacado pelos tricolores. Para o presidente do clube carioca, a atitude não agrega em nada. Ele ressaltou que não guardou mágoa do volante.

“Nenhuma mágoa do Allan. Vamos buscar nossos direitos, se é que a gente vai ter reconhecimento que houve conduta antiética do clube inglês. Mas também apelo aos nossos torcedores, vi que alguns torcedores foram ofensivos nas redes sociais. Menor necessidade disso acontecer. Vamos canalizar energia em jogadores que queriam jogar no Fluminense”, concluiu.

Tags: galo atlético fluminense liverpool justiça allan interiormg futinternacional fluminenserj seriea mercadobola