Atlético

ATLÉTICO

Atlético insiste e avança em negociação para tirar Villa do Boca Juniors

Denunciado por agressão a ex-companheira na Argentina, atacante colombiano de 24 anos agrada ao técnico Jorge Sampaoli

postado em 16/09/2020 20:06 / atualizado em 17/09/2020 01:24

(Foto: Divulgação/Boca Juniors)



A seguir, leia o texto original desta reportagem:

Após ouvir seguidas respostas negativas, o Atlético insistiu e, enfim, conseguiu avançar nas negociações para contratar o atacante colombiano Sebastian Villa, do Boca Juniors. Apesar da evolução, as tratativas ainda são consideradas complexas. A informação foi divulgada inicialmente pela Rádio 98FM e confirmada pelo Superesportes.

As tratativas para contratar o ponta de 24 anos se arrastam há pelo menos dois meses e esbarraram em seguidas mudanças de posicionamento do clube argentino. Denunciado de agressão pela ex-companheira Daniela Cortés, Villa, oficialmente, foi afastado das partidas do Boca, mas tem defensores na diretoria.

Por isso - e pelo valor de mercado consideravelmente alto do jogador -, integrantes da alta cúpula alvinegra tratam o negócio com paciência. O Boca chegou a rejeitar ofertas anteriores, mas, desta vez, o clube mineiro tem mais esperança no acordo.

No início de setembro, a imprensa argentina noticiou uma proposta de 4 milhões de dólares (quase R$ 21 milhões na cotação atual) feita pelo Atlético e recusada pelos argentinos. No último dia 7, o Olé publicou que Villa, diante da denúncia de agressão e a incerteza sobre quando voltaria a jogar, comunicou aos dirigentes do Boca que deseja deixar o clube.

Na atual temporada, o colombiano soma 20 partidas (15 como titular) e dois gols marcados com a camisa do Boca Juniors. Jogador rápido e habilidoso, costuma atuar pelo lado direito e agrada ao técnico Jorge Sampaoli. Chegaria à Cidade do Galo com status de titular, em posição que tem sido ocupada na maioria das vezes pelo venezuelano Jefferson Savarino.

O Atlético trabalha para fechar o quanto antes a contratação de Villa e tranquilizar Sampaoli, que tem cobrado reforços quase diariamente. Se conseguir tirar o colombiano do Boca, o clube alvinegro terá de esperar até 13 de outubro - quando abre a janela de transferências internacionais - para registrá-lo.

Além de um atacante de velocidade, o Atlético está em busca de um meia armador, que tenha como características chegada à área e boa finalização.

Leia também:

Tags: galo atleticomg interiormg futnacional seriea mercadobola