Mais Esportes

JUDÔ

Tetracampeão paralímpico, judoca Antônio Tenório está internado com COVID

Dono de quatro medalhas de ouro em Paralimpíadas, o atleta de 50 anos já garantiu vaga para os Jogos de Tóquio-2020

postado em 01/04/2021 17:04

(Foto: Daniel Zappe/CBDV/MPIX)
Antônio Tenório, principal judoca paralímpico da história brasileira, está internado com o novo coronavírus desde o último dia 28. Dono de quatro medalhas de ouro em Paralimpíadas, o atleta de 50 anos já garantiu vaga para os Jogos de Tóquio-2020, que vai acontecer em agosto deste ano.

Tenório está em um hospital particular na cidade de Itapevi, na região metropolitana de São Paulo. O boletim mais recente divulgado pela assessoria de imprensa da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV) informou que o quadro de saúde segue estável. O judoca não precisou ser intubado, mas está com máscara de oxigênio.

"A tendência, ainda, é necessitar de mais alguns dias para recuperação. As internações de covid costumam ser demoradas naturalmente. Aos poucos vai diminuindo a necessidade de oxigênio", informou o boletim.

O judoca ficou cego do olho esquerdo aos 13 anos, quando brincava com os amigos de estilingue e foi atingido por uma semente de mamona. Seis anos depois teve descolamento de retina no olho direito e ficou totalmente cego. Por isso luta na categoria B1 na categoria até 100 kg.

Em Tóquio, ele buscará a sétima medalha em Jogos Paralímpicos. Até agora foram quatro ouros (Atlanta-1996, Sydney-2000, Atenas-2004 e Pequim-2008), uma prata (Rio-2016) e um bronze (Londres-2012).

A vaga mais recente foi confirmada após fechar 2019 entre os seis melhores da categoria (até 100 kg) no ranking mundial. Ficou em quarto lugar - posição que mantém desde a última atualização da IBSA (sigla em inglês para International Blind Sports Association, a entidade que rege o esporte para deficientes visuais no mundo).

Tags: judo pandemia paralimpiada covid-19 antonio tenorio